Follow by Email

domingo, 11 de novembro de 2012

DICIONÁRIO YORUBÁ LETRA "X" E LETRA "Y"


Motumbá queridos (as) amigos (as), Bom Domingo. 

Estamos hoje finalizando as postagens sobre a COLETÂNEA DICIONÁRIO YORUBÁ, uma grande contribuição de nosso amigo BABALORIXÁ EDSON DE OXUM

Lembrando que se tiver algum texto interessante que ache conveniente postar aqui no BLOG OLHOS DE OXALÁ é só nos enviar através de nossos emails que estaõ na PÁGINA FALE CONOSCO


XANGÔ - vd. Sòngó. Òrisà relacionado com o fogo, o raio, o trovão e a justiça. 
XAORÔ - pequenos guizos (ver SAWORO
XAXARÁ - emblema do orixá Obalúwàiyé. 
XEKERÉ - cabaça revestida com contas de Santa Maria ou búzios. 
XERÊ - chocalho especial para saudar Xangô, em cabaça com cabo ou em cobre. 
XIRÊ - festa, brincadeira (ver SIRE


– emprestar, desviar, dobrar, separar, inundar, desenhar (Vd. WÍN
YA – rasgar, cortar (Vd. FÁ YA) 
– estar bem, emprestar, pegar dinheiro emprestado 
YÀFIN, YEBA - dama 
YÀGBÉ – evacuar 
YÁGÒ - por favor, dá-me licença (Vd. ÀGÒ, DAKUN
YÁJU – aborrecido 
YALAYALA – gavião, rápido, veloz 
YAN – miar, escolher 
YÁN - espreguiçar 
YANJÚ – maravilhosa, linda, resolver (Vd. SERANWÓ
YÀNMUYÀNMÙ – mosquito 
YANRAN - bom 
YÁNRIBO – fêmea de tartaruga 
YANRIN – areia, solo 
YAPA - jogar 
YÀRÁ – apressar, quarto 
YARA - quatro 
YARÍ – ultrapassar, pentear o cabelo (Vd. JOJÚ
YARO – aleijado 
YARÓ – vingar (Vd. GBÉSAN, FIDÍ
YAWORÁN - desenhar 
YAYA - plenamente 
YAYÓ – alegrar-se 
YBUALAMO – qualidade de Oxóssi. Velho caçador. Come nas águas profundas. Come com Obaluayê. 
– botar ovos, elogiar, entender 
YE – compreender, entender, viver 
- driblar 
YÉADA – transformar 
YÉÈ! – ui!, ai! (dor) 
YEKAN – amigo 
YÉLEKANA – beliscar 
YEN – aquele(a), aquilo 
YENÁ – limpar com água, limpar a estrada 
YENI – exemplar 
YÉPÀ! – medo ou surpresa 
YÉPADA – transformar (Vd. SODI
YÈPÈ - solo 
YERÉ - brinco 
YESILÉ – levar embora (Vd. MUKURÓ, MÙLO
YESI – quem 
YETÍ - brinco 
YEWÀ – Òrisà feminino do rio e da lagoa Yewè, na Nigèria. Uma das iabás, considerada ora irmã de iyásan, ora esposa de Òsùmáré. Seu nome significa beleza e graça. As cores de seus colares são o vermelho e o amarelo. Usa como insígnias o arpão, a âncora e a espada. Ha um vodun daomeano com o mesmo nome, cultuado em São Luís do Maranhão. Saudação – "Riró!"
YEWERE – sem valor, indigno 
YEWÒ – examinar, revistar 
YÈYÉ– piada, mãezinha, bobagem (Vd. ORO YÀ
YEYEPÀ - simpatia 
– rodar, revolver, rolar, virar (Vd. FIYIKA
YÍ, YÌÍ – este(a), esse(a), isto 
YIÁ - mãe, senhora (Vd. ÌYA AFIN
YIÁ ORI – Mãe da cabeça 
YÍDÉ – retornar, recorrer 
YIBI - grandeza 
YI-KA - cercar 
YÍN – elogiar, admirar, louvar, debulhar o milho (Vd. GÈ, FUNPÉ, IYÍN
YÍN – seus, suas, de vocês 
YÌN – aplaudir, glorificar, saudar 
YÌNBON – atirar com arma 
YÍNJE – comer aos poucos, beliscar 
YÌN-LOGO – adorar 
YIO – partícula usada para formar o futuro, desejo 
YIO NJÉ? – será? (pronome interrogativo) 
YI-PÁDÀ – mudar 
YI-PO – cercar 
YÍRA - transformar 
YÍYEGE – fracasso (Vd. ÌDETÌ
– cheio, aparecer, dissolver, tirar (Vd. KÚN
– ficar satisfeito, escorregar, ficar feliz, contente 
– escorregar 
YOBÁ – falsidade (Vd. IRÓPIPÁ, TEWURE, ÈTÀN, IRÓ) 
YODA – permitir 
YÒFÚN – felicitar 
YO-JÁDE – aparecer, vir para fora, sair 
YOJÚ – aparecer 
YÓ-KÍRÒ – tirar, extrair, subtrair 
YÓ-LENU, YOLÉNU – molestar, atrapalhar, chatear 
YONU – lavar a boca 
YÒ-OYIN-BÒ – açúcar 
YÒPE – ignorante (Vd. SÒPE
YORUBA – reino cuja capital é Oyo e fica ao norte de Ibadan e faz limite ao sul com Abeokuta. 
YORUN – tirar os pêlos 
YÒ-SUBÚ - escorregar 
YÚN – grávida, coçar, cortar, separar, serrar (Vd. LOYÚN)

DICIONÁRIO YORUBÁ LETRA W


Estamos continuando nossa COLETÂNEA DICIONÁRIO YORUBÁ, vamos nos adentrar, desta forma, às palavras de LETRA "W".

Desta forma, estamos nos preparando para finalizar estas COLETÂNEA, o primeiro passo de nossa reformulação de nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ. A fim de que o mesmo fique cada vez melhor. 



– vem, rápido, ficar, procurar por vir, dirigir (do verbo ir) (Vd. KIA
WA – nós (pronome), nosso(a) (Vd. ÁWA
– estar, haver, existir, ser 
WÁDI – fazer perguntas 
WÀHÁLÁ – problema 
WÀ-JADE - desenterrar 
WÁ JEUN – vem comer 
WÁJÌ – nome litúrgico do anil 
WAJI – matiz 
WÁ-KÀN – descobrir, localizar 
WÁKÀTI – hora, segundo 
WÀ-KIRI – explorar 
WÀLÁÀ – tábua de escrever dos mulçumanos 
WÀ LAYÈ - viver 
WALÈ - cavar o chão 
WANA – venha cá! (Vd.
WAPÁ, WARAPA - epilepsia 
WÀRÀ – leite, queijo 
WARA OMU - leite materno 
WARI – Ogun cultuado na terra do mesmo nome (vem ver a chuva). É perigoso feiticeiro ligado aos antepassados. Tem temperamento muito difícil e autoritário. Veste verde claro e come com Yemonja e Oxalá. Gosta de comer cabritos pequenos, carne de marreco e não come frango em suas obrigações. Guardião do Palácio da Oxum. (descrição em estudo) 
WÁTO – babar 
WAWA – Oxossi que come com Oxalá e Xangô. Está extinto e no lugar faz-se Airá. 
– tomar banho, banhar, nadar 
WÉ , WENÚ – lavar, lavagem (Vd, FÒ, ÍWE
– enrolar, arregaçar, acariciar, embrulhar (Vd. FIDI, KÁ, LÓ-FO
WE – cobrir a cabeça com turbante 
WÉFUN - dizer 
WEJE WEJE – coisas boas 
WÉJO - reclamar 
WÉKÚ - exatamente, fielmente (Vd. GÉGÉBÍ) 
WÈLEKI - peludo, robusto 
WÉRÉ - de repente 
WÈRE – louco, maluco, jovem 
WERE – anão 
WEREWERE – depressa 
WESE - lavar os pés (Vd. SANSÉ
WEWE – amargo, azedo (Vd. KAN
– dizer, falar, pêlos (VD. SO, NÍ
WÍ FUN - avisar 
WINRIN – juntar (Vd. PAPÓ, DAPAMÓ, KO PO
WÍPÉ – dizer algo 
WIRIWIRI – estéril (Vd. ÀISESO
WIWARA - urgência 
WIWI – fala (Vd. ÌFÓHÚN
WIWO – torto 
WIWÓ - visão 
– olhar, assistir, vestir, curvar-se, calçar, olhe! (Vd. TE, GBUN
WO – cair, desabar, derrubar, entrar, relaxar 
– derrubar árvore ou animal grande 
WÓ ASO – vestir roupa 
WODI – investigar 
WO’GUN MÉRIN – os 4 cantos do mundo, as 4 direções 
WOLÉ – entrar em casa 
WOLÉWÒDÈ – entrar e sair 
WOLOJU – seduzir (Vd. TAN, RÉLO
WOMI – entrar na água 
WÓN – borrifar, desmontar, então 
WON – eles (as), seus, suas, deles(as) 
WO NI – qual? 
WÒNNÌ – aqueles (as) 
WONÚ – entrar 
WÓNWÓN – verruga 
WÒNYEN – aqueles (as) 
WÒNUÍ – estes (as) esses (as) 
WÓPÒ - barato 
WO OKÒ – entrar no ônibus 
WÒRAN - assistir 
WO-SÀN - curar 
WOSO - vestir-se 
– agradar, gostar, desejar 
– desenterrar, inchar 
WÚKÓ– tossir (Vd.
WÚLÒ – ser útil 
WUN – tecer (Vd. RAN, HUN, OWÚN, OFÍ
WÚRÀ – ouro (Vd. IWORÓ, ÀWO WÚRÀ
WURU – cidade situada a 10 milhas de Badagry 
WÚRUWÚRU – pessoa relaxada 
WÚSÌN - serviçal 
WÚWO – ser ou estar pesado 
WYDAH - rei de Yoruba por volta de 1728 

DICIONÁRIO YORUBÁ LETRA "U" E LETRA "V"


Motumbá meus (minhas) amados (as) amigos (as) de nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ

Pedimos a todos de fato nossas mais sinceras desculpas e nossos mais sinceros pedidos de perdão por isso. Mas graças a nossos COLABORADORES: BABALORIXÁ EDSON DE OXUM E BABALORIXÁ KLEBER DE OGUM, que nos auxiliam sempre. Não deixamos de dar andamento através de suas postagens muito ricas em conhecimento. Afinal este de fato é o centro de uma família um ajudando o outro. E suas postagens nos ajudam a não deixar você, caro (a) leitor (a) e seguidores nas mãos. 

Hoje estamos aqui dando continuidade ao DICIONÁRIO YORUBÁ, de nosso COLABORADOR BABALORIXÁ EDSON DE OXUM. Através das LETRAS "U" E LETRA "V", a fim de aprimorarmos ainda mais nosso dialeto dentro de nossas casas de axé. 



U – ele (Vd. O
– vir 
UM - beber 
UMBÓ - está vindo, está chegando 
UM DANI - segurar 
UM-HÚN – assim 
UM LÓ - levar 
UNJÉ – comida 
- olhar, reparar 


VODUN –divindade do panteão Foon (Djedje) vd. Òrìsà. 
VODUNCI – Iniciado à um Vodun vd. Yao 

DICIONÁRIO YORUBÁ LETRA T

Estamos finalizando a re-postagem sobre a COLETÂNEA DICIONÁRIO YORUBÁ. De fato temos somente a agradecer por nosso COLABORADOR E CO-AUTOR BABALORIXÁ EDSON DE OXUM, ter colaborado com tão grande dedicação em nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ, nesta questão.

Desta forma, que a continuidade das postagens até sua finalização desta correção que estamos fazendo possa de fato contribuir a todos que buscam de fato crescer em todos os sentidos dentro da nossa RELIGIOSIDADE.




– negociar, vender, jogar na loteria 
- jogar 
TA – acender, chutar 
TÁBÀ - tabaco (ou charuto) 
TÀBÍ – ou 
TÀBÍLÍ – mesa 
TAFÀ - flechar 
TAFÀTAFÀ – arqueiro 
TÁGE – namorar,, paquerar 
TAGUN – forte (Vd. ALAGBARA, LAGBAJÀ
TAHÍN - palitar os dentes 
TA INÁ – acender o fogo 
TÁIWO – o primeiro gêmeo a nascer 
TAJÀ NI DÀÁLÈ – venda à vista 
TÀKA - estalar o dedo 
TAKANKAN – inteligente (Vd. OMÚ, LÓYÉ, FÁFÁ
TAKOTABO – macho e fêmea 
TÁLÁKÁ – pessoa pobre 
TAN – seduzir (Vd. WOLOJU, RÉLO
TÀN – acender, brilhar, iludir, enganar, espalhar 
TANA - vela, lâmpada, fifo 
TANGANRAN – zinco 
TANISÁNKO - centopéia 
TANI, TALI – quem? 
TANI IWO – quem é você? 
TANI OUN – quem é ele? 
TANITANI – inseto que pica 
TÀN-JE – enganar, iludir 
TÀNMAN - idéia 
TANNÁ – acender a luz 
TAPA - arrancar à força 
TARA – pequena pedra 
TASÁ – panela (Vd. PARU) 
TASE – rogar praga, xingar (Vd. FISÉPÈ
TATA-DE-INKICE – vd. Babalorixá 
TÁYÒ - jogar 
TE – curvar-se (Vd. WÓ, GBUN
– extender, estabelecer, espalhar 
TEBOMI – imergir (Vd. JALUMI
TÉFÁ – iniciação Ifá 
TELÉ – antes 
TÈLÉ – seguir 
TELIFISANNU – televisão 
TELIFONU – telefone 
TE-LÓRÙN – agradar 
TÈMI – meu, minha 
TEMO – barato 
TEMPO –Currupitéla do nome de um Inkice chamado Kitembo , divindade de origem Bantu que corresponde ao Orixá Ìrokò para a nação Ketu e ao Vodun Loko da nação Djedje. Muitas vezes seus assentamentos encontra-se ao ar livre, isto é, "no tempo". Dele se diz que é o dono da bandeira branca que distingue as casas-de-santo. Seu símbolo é uma grelha de ferro com três pontas-de-lança. É sincretizado com São Lourenço, Santo católico que sofreu o martírio sobre uma grelha. 
TENI - nome sacerdotal 
TENIA - humano 
TENÚ – calmo, de boa paz, gentil 
TENÚMO – manter, afirmar 
TEPÁ – tirar a pele 
TERÉ – magro (Vd. NIGUN, BELÉ
TÈ-RÉ – esmagar, pisar 
TETE – aplicado 
TÈTÈ - cedo 
TETÉ – rapidamente (Vd. FEFE, KANKAN, KÍAKÍA
TÉTÉ – loteria 
TETÉ KÍ – abordar 
TETEREGUN – Planta da família das zingiberaceae (Costus spicatus, SW.). É conhecida, ainda, como sangolovô , cana-de-macaco e cana do brejo. Na classificação das folhas litúrgicas é considerada de agitação. 
TETU“o executor” 
TEWURE – facilmente, falsidade (Vd. YOBÁ, IRÓPIPÁ, ÈTÀN, IRÓ
– já, que, qual, cujo, o qual, ainda 
– não (advérbio de negação) (Vd. KÒ, KI, BÉÈKO
TI – de, pelo, partícula para formar frase no passado, ter (verbo auxiliar) 
– empurrar, fechar 
TIBO – enfiar (Vd. FIBAKÓ, KIBO
TIFE-TIFE – amizade 
TÌJÓLÒ - tijolo 
TIJÚ – envergonhado 
TÌKÁLÁRA MI – eu mesmo 
TÌKÁLÁRA WA – nós mesmo 
TÌKÁLÁRA WON – eles(as), mesmo(a) 
TÌKÁLÁRA YIN – vocês mesmo 
TIKURÓ – afastar 
TILÈ – de fato, até 
TÌ-LÉHÌN - defender 
TILÚ – nação, povo 
TIMÓTIMÓ - pequeno 
TIMTIM – travesseiro (Vd. ÌRÒRI
TÌMUTÌMUM - almofada 
TINABÓ, TINARAN – acender 
TÍNÚTINÚ – sinceramente 
TI OBINRIN - feminino 
TIPATIPÁ – quebrar (Vd.
TÌRÈ – seu, sua, dele(a), de você 
TISORA – tesoura 
TITA – queimado 
TITANI – de quem? 
TITANJE – fraude (Vd. ITANJE
TITANSAN – brilho, raios (Vd. IKOSAN
TITÉ – sagrado (Vd. MIMO
TÍTÌ – rua 
TÍTÍ – até 
TÍTÍ DI (ATÉ em caso de tempo) 
TÍTÍ DÉ (ATÉ em caso de local) 
TÍTI-AIYE – Eternamente (Vd. LAÌ, LAILAI
TITOBÍ - grandeza 
TÌTUN – de novo 
TITUN – fresco, jovem, nova (Vd. À KOTUN, OSESE, OGBOBÓ
TIWA – nosso(a) 
TIWON – seus, suas, deles(as) 
TIYÉ – mental, vivo (Vd. ELEMI, ALAYE
TIYÍN – seus, suas, de vocês 
– urinar (Vd. ÌTÒ
– agredir, ser suficiente, basta 
TO – ficar na fila 
TÓBI – grande 
TÓBI ODE – caçar TOGEGÉ – vacilar 
TÓJU – cuidar, guardar, tomar conta 
TOKANTOKAN – de coração 
TOKE – alto 
TOKUERÁN – atuação do caçador (o caçador é quem mata a caça) 
TOLÈ – tocar o chão 
TOLOTOLÓ – peru (ave) 
TÒMÁTÌ LÍLO – molho de tomate 
TOMODE – infantil (Vd. OMÓDÉ
TORI – por isso (Vd. NÍTORÍNA
TORO - pedir 
TORUN – celeste 
TOSI – desgraçado (Vd. ÀBUKU
TÓTÓ – atenção 
TOUN - aquele 
TEWOGBÁ - aceitar, admitir, conceder, receber 
TU – tirar as penas 
- desenterrar, arrancar com raiz 
TUBÁ - desculpar 
TUBOMU – bigode (Vd. IRUN IMU
TUJOLU – amansar 
TUJU – brando (Vd. JÈJÈ, OGERÒ
TÚ-KÁ - desfazer 
TULARA – refrescar (Vd. MUFERI
TÙMÁATÌ – tomate 
TÚMÒ – traduzir TÚN - retorno (Vd. ÍPEHINDA
TUNDE – aquele que retornou, renascer 
TUNPÉ – reviver 
TUN SE – arrumar a casa, emendar, consertar, endireitar, mudar, refazer 
TUNTUN – novo(a) 
TUNÙ – enxaqueca, manso 
TÙRARÌ – incenso 
TÚ-SÍLÈ - desfazer 
TÚTÙ – sorvete (gelado), frio, molhado, úmido (Vd. OGENETÉ, RIN, FÍBO, ALAIYAN, RÍN
TUTU – alegremente, jovem (Vd. OGBOBÓ, TITUN, SOMODÉ
TÚTÚ – quieto (Vd. AIDUN, NIDAKÉ
TUWA - nosso 
TÚWOKA – franco 

DICIONÁRIO YORUBÁ LETRA S


Motumbá meus irmãos, estamos aqui novamente dando continuidade a sequencia do DICIONÁRIO YORUBÁ. Uma contribuição de nosso amigo COLABORADOR CO-AUTOR DE NOSSO BLOG OLHOS DE OXALÁ, BABALORIXÁ EDSON DE OXUM

Hoje vamos estudar um pouco mais das palavras usadas em nosso dialeto dentro das Casas de Axé (ILÊ ASÉS) para aumentarmos e aprimorarmos ainda mais nosso VOCABULÁRIO


– convite, ferir, cortar, ano, tempo (Vd. ODÚN, KASÍ, PIPE
SA – fugir 
– arejar, catar, escolher, colher 
SÁÀ – estação, determinado espaço de tempo 
SAALARE - Título conferido ao Orisá Nanã 
SÁBE – debaixo 
SADE – aquela que gera o reino/coroa 
SÁ ERÉ - correr 
SÁFUN – evitar 
SÀGÁLAMÀSÀ – falsificar 
SÁGO - garrafão 
SAIFÈ – odiar, aborrecer, detestar (Vd. KERÍ, KÓRÍRA, ÌRÍRA
SAÌGBÀGBÓ – duvidar, desacreditar 
SAIJANÁ – absurdo 
SAÌKAKUN – ignorar, fazer pouco caso 
SAILERA – fraco (Vd. LAILAGBARA
SAILEWÀ – feio (Vd. ALAILEWÀ, LAIDARA
SAISAN - adoecer 
SÀJÉ - praticar bruxaria 
SAJU - antes 
SAKANI-ILU – estado 
SÀKI – tripa 
SÀKOSO - dirigir 
SALAÌSÍ - falecer 
SÁLO – fugir (Vd. LÁ, FOLO
SALU – ocorrer periodicamente 
SÁLUBÀTA – chinelo 
SAN – pagar, trovejar (Vd. GIDEBÍ
SÀN – fluir, estar bem, beneficiar 
SÁNÁ – acender fósforo 
SAN DÍÈ DÍÈ – prestação 
SÀNJU – melhorar de saúde 
SÁNKU – morte prematura 
SÁNLÈ – cortar a grama 
SÁNMÀ – céu, espaço 
SÁNMÒ - céu 
SANRA – ser gordo, engordar 
SANSÉ – lavar os pés (Vd. WESE
SANWÓ – pagar com dinheiro 
SAPAMÓ – escravo, esconder (Vd. PAMÓ
SAKPANAN,SAKPATÁ ou SÒNPÒNNÓN - deus da varíola, filho de Nanã criado por Yemojá. 
SARAPEBÉ - mensageiro. 
SÁRÉ – correr 
SARE – túmulo 
SÀRÍYÁ – festejar, fazer festa 
SÀRÒYÉ – discutir 
SÀRÚÙTÙ – charuto 
SÀTUNSE - emendar 
SAWO O! – veja! 
SAWORO – Artefato de palha trançada e que tem como fecho um guizo. O noviço deve tê-lo atado ao tornozelo, e portá-lo durante um largo período após a sua reclusão. Um dos símbolos cerimoniais da sujeição do iaô numa casa-de-santo. 
SE – fazer, criar, executar, produzir, ensaiar, formar, parar, quebrar 
– cozinhar, ofender, pecar 
– peneira (Vd. JÒ, ALADIRO, BÈ)
– filtrar, peneirar, fechar com força, trocar moedas 
SE ÀJÓPÍN – repartir, dividir 
SE ALAFIA NI – como vai? (Vd. BAWO NI?
SEBÈ – fazer uma sopa 
SE BÍ- fingir, achar que, pensar erradamente 
SÉBÚ – tropeçar 
SEDEEDE – ser correto com a outra pessoa 
SE EBO = fazer oferenda 
SÉÉRÉ – chocalho sagrado de Xangô 
SÈGBÉRAGA – estar orgulhoso 
SÈGBÓRAN – ser obediente 
SÉGÈGÉ – tirar a sorte. União de certas formas de adivinhação 
SÉGUN – ganhar uma guerra 
SEHIN – para trás, passar, passado (Vd. KOJÁ, IGBANÍ
SE ÌLÀJÀ – harmonizar 
SE ÌPADÉ – reunir 
SE IRANSE – servir 
SE ITÓJU – manter, tomar conta de 
SÈKÉ – mentira, falsidade (Vd. IRÓ NI, EKE, ÓKOBÓ, ELÉKÉ
SELÈ – acontecer 
SE-LÉSE – ferir 
SE-LÉSÓ - enfeitar 
SELEYÁ – zombar 
SE OORE – fazer o bem 
SE ÒRISÁ - fazer o Orixá 
SE OSU – ficar menstruada 
SÈPADE – fazer reunião 
SERANTI - comemorar 
SERANWÓ – maravilhoso 
SERE – brincar, bailar 
SÉRÉ - relaxar 
SE RERE – fazer o bem 
SÈRI - cair orvalho 
SERÚ - falsificar 
SE TÁN – acabar, estar pronto(a), terminar 
SÈTÓJÚ – conservar, cuidar de 
SÉWÓ - trocar dinheiro 
SI – abrir, furtar 
– para (preposição), e, haver 
SI – ter (verbo possuir), falar, obter (Vd. SO, NÍ WÍ, JÉRE, RIGBÁ, DÉ, FÍ
– errar 
SÌBÁTA – destruir 
SÍBÈ – para lá 
SÍBÈSÍBÈ SÙGBÓN – muito embora 
SÍBÍ - para cá, aqui 
SIBI – colher 
SÍBÍ GÍGÙN – concha 
SÍBÍ IGI – colher de pau 
SIBIKAN – junto 
SÍBO NI – para onde? 
SÍGÀ – cigarro 
SÍGBONLÈ - alto e forte 
SÌGÌDÌ – imagem de barro, mensageiro, personificação do pesadelo (está classificado hoje em dia como Exu) 
SIJU – abrir os olhos 
SIKÉ – acalentar 
SILÈ - desviar 
SILEKUN – abrir a porta 
SIMI! – silêncio! 
SIMI, SINMI – descansar, parar, ficar (Vd. KASÉ, DA-DUKO, DÁ-DÚRO, DÚRO
SÌN – adorar, cultuar, servir 
SIN – enterrar 
SÍN – espirrar 
SINIMA - cinema 
SINKÁFA – arroz 
SÌNKÚ - enterrar 
SINRÚ – trabalhar 
SINSIN - descansar 
SÍÒ! – ora essa! 
SÍRÁ – partir, levantar, mover 
SIRÉ – brincar, festa 
SIRE – Conjunto de danças cerimoniais onde ocorrem distintos ritmos, cânticos e estilos coreográficos característicos do desempenho de cada Òrìsà. 
SISARAN – velhice 
SISE - funcionar 
SISÉ – trabalhar na cozinha, mudar (Vd. ILÉ ÌDÁNÁ
SISILÉ – aberto 
SISIN – adoração, renascimento 
SÍSIN - enterro 
SISÚ – aborrecimento 
SISUN – sono (Vd. ATISUN
SÍWÁJÚ – para frente de 
SIWÓ – retirar, parar, terminar 
SIYÈMÉJÌ – duvidar, desconfiar 
– empurrar,estender, esticar, puxar, arrastar, tirar, adornar, enfeitar (Vd.
– tomar conta, teimoso, soltar gases (Vd. AIGBEJE, ÓDÍ
SO – amarrar, atirar, falar, dizer, contar, esperar, golpear (Vd. WÍ, NÍ
– descarregar 
SÓDA – atravessar 
SODE - caçar 
SÓDÉ - fora 
SODI – transformar (Vd. YÉPADA
SO DI OMNIRA – libertar 
SÓDÒ – parar, perto de 
SODÚN – festejar, fazer festa 
SÓFO – vazio (Vd. IMOFO
SOFOFO – trair (Vd. DÁ, PA
SÓ FUN - avisar 
SOGE - ser vaidoso 
SO-JI - animar 
SOJÓRÓ - tapear 
SÒKALÈ – descer, descarregar 
SOKÉ – nas, para cima 
SOKESOKÉ – muito alto 
SÒKÒTÒ – calça 
SÒKÒTÒ OBÌNRÌN – calça comprida feminina 
ÒKÒTÒ-PENPE - bermuda 
SOKÚN – chorar 
SÓKÙNKUN - escuro 
SOLOJOJO – amamentar 
SOMODÉ – jovem (Vd. OGBOBÓ, TITUN, TUTU
SÒNGÓ – Divindade iorubana do raio e do trovão. Descendente do fundador mítico da cidade de Òyò e seu 4º. rei. Seu símbolo é o machado duplo, notabilizando-se ainda como o dono da pedra-do-raio, indispensável aos seus assentamentos. É viril, como atestam suas várias esposas (Òsun, Oba, Oya), violento e guerreiro, distinguindo-se, sobretudo, pelo seu senso de justiça, aspecto mais desenvolvido da sua representação no Brasil, e que o liga a São Jerônimo, com quem é sincretizado. Suas cores são o vermelho e o branco. Seu dia é quarta-feira. Saudação – "Ká wòóo, ká biyè sí!". Um dos filhos de Iyemonja 
SONÙ – perder, perdido 
SÓ-NÙ – jogar fora 
SÒPE – ignorante (Vd. YÒPE, ALAILOGBON
SÓPE – agradecer 
SÓRÍ - sobre 
SORIKODÓ – desanimado 
SORÍKUNKUN - exigir 
SÒRÒ – falar, conversar, fofoca, feroz 
SORO – falhar, violento (Vd. BÓTI
SÓRÒ – fazer o culto (o fundamento, o ritual) 
SÒRO-LE – endurecer 
SO-SINNIKINNI – explicar 
SOSO – só 
SÒTITO – ter fé 
SU – defecar, evacuar 
– estar escuro 
– transformar em bolas 
SUBÚ – cair (pessoa) 
SÚFE – assobiar, mover 
SÚGÀ – açúcar 
SÙGBÓN – mas (preposição) 
SUJU – obscuro (Vd. JINLÉ, ÀILOKIKÍ
SÙN – dormir 
SUN – assar 
SUN EKUN – chorar 
SÚNKÌ – encolher 
SUNKUN – chorar 
SÙNLO – deitar para dormir 
SUNMO – perto 
SURÁ – espécie, tipo (Vd. IRÚ
SURÉ, SURÉFUN – abençoar, bendizer 
SÙRÙ - paciência 
SÙÚRÚ – paciência 

DICIONÁRIO YORUBÁ LETRAS "Q" E "R"


Amados irmãos (ãs) de nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ.

Aqui estamos em mais um Domingo, e para agradecer pois estamos finalizando a primeira etapa, após a reformulação na estrutura de nossa grade de postagens aqui do BLOG.

Com certeza, muitos devem ter se surpreendido por estas mudanças tão bruscas e vejo isso pela quantidade de visualizações que caíram e muito. Mas é compreensível. 

Mas como toda a batalha tem suas perdas e suas conquistas. Esta é só mais uma fase que estamos passando para ficar ainda melhor. Pois como se diz: "nada acontece por acaso". Desta forma, que a COLETÂNEA DICIONÁRIO YORUBÁ, desta nova maneira que foi apresentada possa vir a auxiliar a todos que a procurarem para seu devido crescimento.

Nesta primeira etapa de nossa COLETÂNEA DICIONÁRIO YORUBÁ, não identificamos nenhuma palavra que se inicie com esta letra. Mas já estamos a todo vapor montando a segunda parte da COLETÂNEA que logo irá ser postada futuramente para melhor compreensão de todos. 


RA – raspar, barbear-se (Vd. BÓ, FÁ
– apodrecer, comprar, engatinhar 
RAN – tecer (Vd. WUN, HUN, OWÚN, OFÍ
RÀN LEWO – assistir 
RÁN LÓ – enviar, mandar ir 
RÀNLÓWÓ – ajudar, mandar ajuda 
RÁNTÍ – lembrar (Vd. RIRANTI
RÁN WAYÀ – mandar telegrama 
RARA – libertar (Vd. ÓMNIRA
RÁRÁ– não (Vd. BÉÈKÓ
RARI – raspar (a cabeça) (Vd. FÁRI, ÍRARI
– cansar, estar cansado, seu, sua, dele(a), de você 
– morder, cortar, ir embora para (Vd. BÙ-SAN, GE-JE, JAJE, BUNIJE
RÉIN – rir (Vd. RÍN
RÉLO - seduzir (Vd. TAN, WOLOJU
REPETE – muito, bastante 
RÈPETÈ - muito gordo 
REPÓ, REPOMÓ – redonda (Vd. RIBITI, KIBITI, BIRIKITI
RERE – bem, bom (Vd. DÁADÁA
RÉRÌN – rir 
RÉSÈSÉLÈ – humilhação 
RE SÍLÈ – humilhar, abaixar 
RETÍ – ficar na expectativa 
REWÀ – belo (Vd. DÁRA, AREWÀ, LEWÀ
– afundar 
– ver, encontrar , ver a chuva 
RIBITI – redonda (Vd. REPÓ, REPOMÓ, KIBITI, BIRIKITI
RÍ FIRÍ - avistar 
RIGBÁ - ter (verbo possuir), falar, obter (Vd. SO, NÍ WÍ, JÉRE
RÍ HÉ - achar 
RIJE – rico (Vd. DOSO, ILORÓ, LETÚ, OLOWO
RÍ LÓKÈRÈ - avistar 
RIN – molhado, úmido (Vd. TÚTÚ, ALAIYAN, TÚTÚ
RÌN – caminhar, andar 
RÍN – rir 
RÌN ÌRÌNAJO, RÌNRÌNAJO - viajar 
RÌNKÁKIRI SÁRELO – passear 
RÍRÀ - compra 
RIRANTI – lembrança, memória (Vd. RANTI, IYENÚ
RIRÍ – valor (Vd. LARÍ
RIRI – tremer de medo 
RIRUN – quebrado (Vd. JIJÁ
RISILÉ - decair 
RO – doer, tenro, enrolar no corpo (Vd. JOLÒ
– jorrar, mentir, produzir sons 
– pensar, acalmar, consultar o médico, quebrar a cabeça (pensando) (Vd. RÓNÚ
ROBÍ – sentir as dores do parto 
RÒJO - chover 
ROJÚ – barato 
ROLOYÉ – tirar do cargo 
RONÚ – bom 
RÓNÚ – pensar 
ROPÁ – acabar 
RORA – cuidado (ter) 
RORÓ – austero 
RÒ WÌPE – pensar que, achar que 
– carregar, carregar na cabeça 
- florir 
RÚBO – sacrifício, fazer oferenda 
RÚ EWE - florir 
RUM, RUMPI, RUNLÉ – tambores usados em casa-de-santo , denominações de origem Foon (Djedje) os tambores nagôs se chamam Ylús. 
RUN – consumir, gastar, mastigar, sucumbir 
RÙN – mal cheiroso 
RÚN – desabafar, destruir, esmagar 
RUNKO – Termo pelo qual se designa o aposento destinado à reclusão dos neófitos(os rescém iniciados) durante o processo de iniciação. É conhecido também como alíase, camarinha ou ainda àse. 
RÚSÚRÚSÚ – amarelo (Vd. PÚPÀ
RÚWE - florescer