Follow by Email

terça-feira, 4 de dezembro de 2012

PEDRO MANUEL T' OGUM - FALANDO SOBRE OXUM

Motumbá para quem é de motumbá. Kolofé, para quem é de Kolofé. Saravá, para quem é de Saravá.


Bom dia a todos. Com grande alegria hoje venho aqui de fato agradecer a todos que caminharam conosco em todo o mês de NOVEMBRO, quando me arrisquei literalmente o fato de fazer uma verdadeira revolução dentro das grades referentes às postagens do BLOG OLHOS DE OXALÁ, desde MAIO em diante.

Foi de fato um risco de correr no molhado, sabendo dos pós e dos contras, onde corria o risco de ser pouco visitado ou pouco visualizado, devido a algumas já terem sido parte das antigas SEQÜÊNCIAS dos assuntos referidos. Mas o que senti no coração de fazer, de fato deu seus resultados positivos.

E como fizemos com OXÓSSI, não poderíamos deixar de fazer a respeito da grande ORIXÁ DAS ÁGUAS DOCES. Estou me referindo a OXUM.


Neste exato momento fico eu pensando, mas o que falar de MAMÃE OXUM. Uma Senhora que muitos já a conhecem e por ela possuem um carinho, amor e grande devoção. Por se tratar da grande progenitora.

Digo progenitora, pois não existe ORIXÁ algum em terra, sem antes ter passado pelos braços de OXUM em sua concepção. Nenhum ORIXÁ nasce sem ter passado pelo grande ÚTERO DE OXUM, dentro de seu RONKÓ

Não existe ORIXÁ, que não tenha passado pelas águas doces de uma cachoeira. Não existe ORIXÁ que não tenha se deslumbrado no seu grande encantamento de sua total e irreverente beleza.

Um amor materno, que gera em seu útero, todos os ORIXÁS e que entrega carinhosamente no ato do nascimento aquele bebê tão indefeso, recém-nascido, aos cuidados de YEMANJÁ que irá zelar pelo seu novo destino.

Não existe sequer um momento nesta nova fase que iremos nos empenhar para MERGULHARMOS NAS ÁGUAS DE OXUM, a fim de entendermos melhor sua ligação com TODOS OS ORIXÁS. Suas características que mesmo sendo maternas em sua totalidade, algumas se mostram mais violentas, demonstrando o seu lado GUERREIRAS. CARACTERÍSTICAS que se enquadram perfeitamente em seus filhos e filhas.

Conheçer sua HISTÓRIA, suas CANTIGAS, suas COMIDAS, seus TRAÇOS, sua MITOLOGIA, são de fato pontos fundamentais que irão compor o corpo desta grade de estudo, referente a esta grande ORIXÁ. Uma senhora astuta que roubou, literalmente este é o termo, os segredos de IFÁ das mãos de EXÚ; e que hoje divide com ele os segredos da leitura e compreensão do JOGO DE BÚZIOS

Uma Senhora doce, maternal, faceita, astuta, geniosa, sedutora e acima de tudo encantadora. A Senhora dos encantamentos. Que OXUM nos cubra com suas ÁGUAS DOCES, nos purificando sob o derramar de suas doces CACHOEIRAS e fazendo em nós verdadeiros TEMPLOS que acolhem nossos ORIXÁS.

Que todo o trabalho feito neste BLOG, voltado à mamãe OXUM, seja para todos nós um grande motivo de louvor e alegria a tão grande MÃE.

COLETÂNEA OXÓSSI - CANTIGAS PARTE II

Aqui colocamos mais algumas cantigas fundamentais, dentro de um XIRÊ. Cantigas estas, mais conhecidas que se fazem presente dentro de todo um ritmo voltado a uma grande FESTA DE OXÓSSI.

Lembrando que muitas CASAS DE AXÉ, comemoram OXÓSSI em comum acordo com OGUM, devido ao fato de serem irmãos. Por sua vez, outras CASAS visam fazer cada ORIXÁ com sua devida festa em particular. Um ato que exige um pouco de trabalho a mais, mas que ao nosso ponto de vista, uma realidade muito louvável. Pois assim, se confere o que por direito compete a cada um em sua particularidade.

Desta forma, espero que mais estas CANTIGAS, possam contribuir com o crescimento espIritual de cada um, que tem sua particular DEVOÇÃO para com o grande ORIXÁ DA CAÇA E DA PROSPERIDADE.





COLETÂNEAS OXÓSSI - CANTIGAS PARTE I

Motumbá a todos os (as) visitantes de nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ.

Com grande alegria, estamos chegando ao final de todas nossas postagens com o tema central ORIXÁ OXÓSSI, de acordo com a nova esquematização de nosso meio de comunicação.

Comparando esta SEQÜÊNCIA de postagens podemos concluir com êxito as postagens anteriormente já compartilhadas no mês de MAIO, mas para nossa surpresa, chegamos a concluir com maior número de postagens que inseriram temas de fato esquecidos na primeira vez que abordamos este assunto.

E aqui nesta postagem iremos concluir de fato, saudando o ORIXÁ OXÓSSI, com suas cantigas mais conhecidas pelo nosso povo do CANDOMBLÉ. Mas já deixamos claro que, estamos já trabalhando para que em 2013,  quando formos adentrar novamente neste assunto, oferecendo um aprofundamento sobre o mesmo, que outras cantigas irão fazer parte de seu corpo na grade de ensinos.

Cantigas que nos levam aos seus momento de caça, no instante de sua prova a acertar o grande pássaro somente com uma flecha, e outros instantes importantíssimos que compõem o seu louvor dentro de todo um XIRÊ.







Que OXÓSSI, o grande caçador, que provem em nossas casas o sustento de todos os habitantes, possa de fato ter sua flecha apontada para todas as situações divergentes de nossa realidade e que por seu intermédio, a fome, a desunião de todo um povo possam cair por terra.