Follow by Email

domingo, 25 de março de 2012

FILME: " O BESOURO" - SESSÃO PIPOCA EM NOSSO BLOG

Amados (as) irmãos (ãs).

Estamos num domingo maravilhoso, dia 25/03/2012. E sendo um Domingo nada melhor que pegar um filminho, comer uma pipoca, tomando um refrigerante geladinho e estar perto de seus amigos ou familiares. 

Muito se tem visto por ai e muitos ainda dizem que não se tem nada para fazer em casa num dia de DOMINGO. Desta forma, nosso BLOG hoje veio presentear você a assistir conosco este filme que fala muito de nossa religião, bem como para os adeptos de nossa amada CAPOEIRA. Um verdadeiro convite a sentar no seu sofá com seu notboock na mão ou no seu PC com uma TV coligada nele para de fato fazer de simples momentos uma distração, um laser sem esquecer estamos aqui em busca de crescimento espiritual. 

Desejo a todos um bom filme e que comecem bem esta nova semana cheia de vitórias que estão por vir. Que a cada provação, pela fé, tenham coragem pois de tudo e em tudo se tira uma grande lição na vida, seja ela qual for.


SINCRETISMO RELIGIOSO - Vídeo Explicativo

Muito se tem falado sobre o tão conhecido SINCRETISMO RELIGIOSO, assuntos são diversos. Ainda mais quando se trata de internet, encontramos várias postagens de inúmeros sites que falam sobre este tipo de assunto que até já virou tese de muitos ARQUEÓLOGOS, TEÓLOGOS e outras facções diversas. 

Mas para abordar esse tema aqui no BLOG OLHOS DE OXALÁ, achei mais conveniente não me prender em palavras minhas ou postagens que possam ter vindo de outros SITES ou BLOGERS. Desta forma, achei mais conveniente sim colocar a informação de forma mais ativa e pessoal. 

Não deixando de ser uma informação, um crescimento a mais, mas lembrando que o visual as vezes fala mais que várias palavras digitadas que acabam muitas vezes cansando os olhos pelo peso da leitura. Assim neste pequeno DOCUMENTÁRIO, feito pela PUC, UNIVERSIDADE PONTIFÍCIA CATÓLICA, transmito de fato o que vem a ser o dito SINCRETISMO RELIGIOSO, de uma forma clara, prática e que visualmente nos prende para nos enriquecer cada vez mais em nosso saber. 


Assim, com estes vídeos evita-se de ficar horas e horas procurando na internet coisas que falem sobre o assunto de nossa religiosidade. E que acabamos vendo ou lendo coisas sem fundamento. Desta forma, existe alguém que procura essas informações por você para que a cada dia o BLOG OLHOS DE OXALÁ fique cada vez melhor. 

Para melhorar o que precisamos? De sua participação. E como se faz isso? Exponha seu modo de ver, de pensar, seja por um comentário, seja pelo PERFIL OLHOS DE OXALÁ (O BLOG), lá no ORKUT. Entre em contato conosco pelos nossos emails, a fim de podermos analisar suas necessidades quanto mais informações seriam interessantes serem postadas neste BLOG. Lembrando o BLOG OLHOS DE OXALÁ não é meu e sim nosso e´do CANDOMBLÉ, é da UMBANDA SAGRADA, é de todo povo que busca uma religiosidade.

Mas não uma religiosidade de boca, mas de coração. Que OGUM E OXAGUIÃ, abençõem a cada um de vocês sempre. 

PALAVRAS DE MÃE MENINAZINHA DE OXUM

Motumbá meus (minhas) queridos (as) amigos (as) de nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ

Dando continuidade aos grandes exemplos do CANDOMBLÉ, como vimos na postagem anterior UM POUCO DE MÃE MENINAZINHA DE OXUM, percebemos que numa mulher de olhar doce, mas ao mesmo tempo firme existe de fato uma força interior proveniente desta Orixá tão amorosa e materna que é OXUM.

Nestes dois vídeos pequenos espero que suas palavras que nascem numa voz doce, possam de fato trazer a cada um de nós um pouco mais de conhecimento, fé, amor e dedicação aos ORIXÁS. Acompanhem conosco.


Que estas colocações neste Domingo que começou ensolarado possam servir de inspiração a prosseguir na nossa fé com muito amor. 

Axé. 

UM POUCO DE MÃE MENINAZINHA DE OXUM

A MENINA DA FÉ 


Nosso Pai Omolu abençoou, no ventre de uma filha de Nanã, uma criança. Uma menina que viria com uma grande missão, com a responsabilidade de um adulto e a alegria de uma criança. Ainda na barriga de sua mãe, essa menina já estava com o destino traçado: seria ela a Yalorixá Meninazinha D'Oxun, que herdaria o Candomblé de sua avó, Mãe Davina D'Omolu, uma sacerdotisa que foi iniciada pelo saudoso Pai Procópio D’Ogun, em 24 de julho de 1910, em um bairro de Salvador, chamado, na época, de Baixa Laje Ladeira do Ogum. 

Indo para o Rio de Janeiro, mãe Davina com amigos e irmãos-de-santo, enfrentaram diversas dificuldades na épo­ca. Juntamente com a tia pe­quena D'O_alá, tio Bankole, João Alaba e tio Abede, fizeram muitas festas em Mesquita, no Rio. 

No dia 10 do mês de julho de 1960, ocorreu a iniciação de mãe Meninazinha, nesta roça, em Mesquita. 

Com o passar do tempo, tia Pequena faleceu, e mãe Davina, que era mãe pequena do terreiro e já tinha o cargo de Yalorixá, assumiu as funções de mãe-de-santo. 

Com o desaparecimento de sua avó Davina, mãe Meninazinha foi à Bahia e trouxe os assentamentos de Nanã, de sua mãe biológica, e o Omulu de sua avó, começando, aí, a sua trajetória de dificuldades e alegrias, numa roça em Marambaia e Nova-Iguaçu, onde só ficou cinco anos, instalando-se, depois, em São Mateus, também na Baixada Fluminense, onde está até hoje. 

Mãe Meninazinha nos conta sobre os candomblés antigos, onde se fazia tudo à luz de carbureto, no chão de terra batida e conservada com estrume de boi, que tinha um cheiro de mato; uma cultura onde a natureza estava sempre presente. Mas isso não quer dizer que o Candomblé não deva se modernizar, mas tudo dentro do limite da religião. 

Originado de uma grande raiz do culto afro, seu avô Procópio do Ogum Ja, foi iniciado por uma antiga sacerdotisa da cidade de Palha e lavou a cabeça e deu continuidade com a avó de Olga de Alaquetu, Mãe Anizia. Consagrou sua casa ao senhor Omolu, mas adora seu orixá Oxum, na qual foi iniciada com muita fé e emoção, de uma verdadeira filha-de-santo. Ela põe seu grande sentimento de amor transcendental a Omolu ,que nunca lhe negou um pedido 

Com muita alegria e um testemunho de fé, ela fala dos milagres e bênçãos dados pelas divindades de sua casa no Ile Omolu Oxum. 

Dirigente séria e inteligente, ministra eventos em sua roça como: aulas de culinária, capoeira, danças, distribuição de cestas básicas e montou um memorial em homenagem aos orixás de mãe Davina. Gravou um CD com cantigas das divindades de Ketu, sua nação, e pretende se empenhar ainda mais para o crescimento e união do Candomblé. 

Nossa querida mãe, Meninazinha D' Oxum, eleva seu pedidos a Oludamaré, para que cubra todos os leitores o povo brasileiro com bênçãos e Omolu nos dê força, caminho, porque todo o caminho a trilhar tem uma luta e no fim tudo deve valer à pena. 

Exemplo de amor e fé onde, com todos os problemas, nunca abandonou o orixá. 

Olorum Modupé.

Mãe meninazinha de Oxum (021)2756-7635

Site: www.geocites.com/memorialiyadavina


Fonte: Revista Orixás, Candomblé e Umbanda – Ano I – N° 03