Follow by Email

SOBRE NÓS

Muito prazer... aqui nos apresentamos...



Eu sou José Pedro Manuel Pereira Bras, 39 anos, nascido em 1972 no território de Angola, ainda no tempo que era colônia portuguesa; hoje País independente. Filho de Maria Irene Magalhãe Pereira, católica, já falecida. Neto de Rosa de Jesus, portuguesa e naturalizada africana, já falecida.  Candomblecista da Nação Ketu em Angola - Africa; yalorixá de um dos maiores barracões da religião afro nesse pais, cuja sucessora seria minha falecida mãe e que o destino deixou sobre minha cabeça a responsabilidade deste Ilê.

Simpatizante da religiosidade atualmente, ainda Abiãn, mas com vasto conheçimento na religião, por ter sido membro da Casa (Ilê ty Oxum Opará) da falecida Mãe Carmem de Oxum, participando 13 anos assiduamente. Filha de Mãe Juju de Oxum. Com função de secretário da Escola Mediunica do Ilê, distribuindo os filhos nos respectivos módulos conforme as ordens de Mãe Carmem e acompanhando o crescimento espiritual dos novos interessados em dar seus passos iniciais dentro da casa. Com experiência em Vocabulário Yorubá, Comidas de Orixás, o trato e formulação de banhos de folhas. Bem como na lida com entidades oriundas da Umbanda, devido a esta casa possuir filhos das duas realidades: Umbanda e Candomblé.

Após a morte de Mãe Carmem, atuei como Catequista na Igreja Católica Apostólica Romana e até ingressei no Seminário Diocesano da Diocese de Campo Limpo, saindo após seis anos, por motivos particulares e bem na realidade por sentir que meus caminhos seriam de outra forma. Hoje nos caminhos dos Orixás que nunca deixaram de estar inseridos na minha realidade pessoal, estou de volta à religiosidade, me preparando para dar os passos para o cumprimento de minha missão junto aos Oríxás, através da minha iniciação.


Fernando Luiz Caveda Pereira Bras,  31 anos, brasileiro. Proveniente da religião protestante, na Igreja Assembléia de Deus, mesmo tendo sido batizado e crismado na Igreja Católica. Hoje, também Abiân na religiosidade do Candomblé.

Nesta mudança de direções, passando pelo catolicismo, protestantismo e hoje no Candomblé. Foi percebendo que de fato esta numa religião milenar formada muito antes do Cristianismo. Admirador de sua beleza e da complexidade que abrange os caminhos do Candomblé.

Como ele mesmo se apresenta é um verdadeiro Cossi (leigo ou burro ou ainda que nao sabe nada), devido a saber que mesmo com vastos anos de caminhada nesta religião - ninguém é totalmente o dono da verdade. A não ser aquilo que os Orixás permitem aos homens discernir e saber.



Desta forma, duas vidas distintas, se unem aos olhos dos Orixás, a fim de levar um pouco mais de conheçimento para cada um de nós. Um de Ogum com Oxaguiã, outro só esperando a confirmação entre Oxum e Oxóssi. Numa forma simples e verdadeira com todo o amor e respeito àqueles que nos alimentam com sua presença constante com provas vivas - os Orixás.

Fazendo deste instrumento uma forma de partilha e união entre todos que fazem parte do Candomblé. Com sua beleza, mistérios, complexidade. Beleza esta contida nas folhas, nas comidas, nas cantigas e nas danças. No modo de cada Orixá se apresentar e se vestir.

Desta forma, acolhemos a todos com nosso Motumbá e que os caminhos dos Orixás na vida de cada um possam se abrir ainda mais. Axé.

9 comentários:

  1. Realmente ! o caminho trilhado por nós tem , muitos desafios na nossa crença , costumes e tradições.Somos guiados por uma fé que nos questiona o somos e para que vinhemos, qual é a nossa missão aqui ...Eu sempre me pergunto isso, somo escolhido e não escolhemos..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente Monica Feliz, o que nos impulssiona cada vez mais é de fato a realidade de que fomos escolhidos e não escolhemos. E isto é uma realidade, que infelizmente não tem sido ultimamente posto em pauta em muita casa seja ela de Candomblé ou de Umbanda Sagrada, pois devemos pesar na balança o grau de nossa mediunidade para então decidirmos o caminho escolhido pelos Orixás em nossa vida.

      Excluir
  2. Vcs possuem terreiro?
    Onde fica?????
    Beijinhos
    Estou completamente APAIXONADA pelo blog de vcs..

    Bel de Oyá Topé

    ResponderExcluir
  3. Motumbá querida irmã Bélit Forti, ficamos felizes de ver que nosso BLOG OLHOS DE OXALÁ, esta atingindo suas espectativas e seu gosto pela espiritualidade.

    Em relação a termos um terreiro, fazemos parte da grande família do ASÉ OXUMARÊ, onde fazemos parte na NAÇAO KETU, dentro do CANDOMBLÉ. Nossa família de asé é do ILE ASÉ JAGUM, que fica no PARQUE PIRAJUSSARA, TABOÃO DA SERRA, aqui em São Paulo.

    Se um dia quiser nos visitar será muito bem vinda, que alias ja fica o convite para dia 30/05, a grande festa de OGUM E ODÉ.

    ResponderExcluir
  4. COMO CHEGAR AI ??? ARMANDO.JULIO.MARTINEZ@GMAIL.COM ,
    MEXICANO NATURALIZADO BRASILEIRO !

    ResponderExcluir
  5. Adorei o Blog de vocês! Lindo! Axé!!!!

    ResponderExcluir
  6. Motumbá o blog é maravilhoso estão de parabéns.Gostaria saber se vocês poderiam falar mas sobre a santeria pois sou de um axe de mais de 30 anos de angola porem minha casa mudou de folha a 1 ano e meio para keto.peço se possível vcs me dêem algo sobre a santeria pois tenho 4 anos de santo e gostaria saber se a santeria e reconhecida no brasil para quando tiver meu axe decidir melhor. OBRIGADO

    ResponderExcluir
  7. Muito Aprendizado mesmo. Gosto de aprender soy filha de OXOSSI COM OXUM KARE.

    ResponderExcluir
  8. MINHA MAE SANTO FILHA DE OYA.EPARREY OYA. SUA BENCA

    ResponderExcluir

Gostou desta postagem? Deixe aqui seu comentário, sugestão, critica a fim de melhorar nossos serviços.