Follow by Email

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

COLETÂNEA OXÓSSI NA UMBANDA - A IMPORTÂNCIA DOS ATABAQUES NOS TOQUES DE BOIADEIROS

Estamos vendo dentro de toda realidade voltada à LINHA DOS BOIADEIROS, na energia de Oxóssi, muita coisa que talvez nem tivéssemos conhecimento ou que jamais iriamos parar para pensar, estudar e aprender.

Uma destas, quando se esta num TOQUE DE BOIADEIROS OU DE CABOCLOS é sem dúvida alguma a energia que amana do som dos ATABAQUES. De fato, ficamos tão empolgados e até envolvidos por seus gestos, brados e modo de atuação espiritual, que não nos voltamos a prestar atenção nesta realidade fundamental de todo culto.

Percebemos então que a função de um "Ogãn" bem instrumentalizado e de fato intimo de seu instrumento, a sua importância quanto a realização de um bom trabalho voltado pela LINHA DOS BOIADEIROS.


Atabaques: Dentro da ritualística de Umbanda existe um elemento de grande importância que é a Curimba formada por médiuns que se dedicam ao estudo dos cânticos ritualísticos.

Há uma grande influência dos boiadeiros no trabalho da curimba, pois eles regem suas forças e fundamentos.

Os atabaques são formados basicamente por três elementos da natureza: Animal (couro), Vegetal (madeira), Mineral (ferragens). Estes elementos por sua vez encontram-se no ambiente (reino) natural destas entidades e a força da curimba no terreiro está justamente em conseguir dissipar as energias negativas, inibir a ação de obsessores e desagregar miasmas e larvas astrais que estejam impregnados no ambiente de trabalho conseguindo com isso um êxito maior.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou desta postagem? Deixe aqui seu comentário, sugestão, critica a fim de melhorar nossos serviços.