Follow by Email

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

AS FESTIVIDADES DENTRO DO CANDOMBLÉ

Estamos dentro de um período civil em que todas as pessoas, indiferente da sua crença, se preparam para comemorar (brincar) o Carnaval. Uma festividade considerada pra muitos como profana. Mas para nós, membros do Candomblé ou ainda da Umbanda Sagrada, em nossa religiosidade estamos ainda no período dedicado ÀS ÁGUAS DE OXALÁ.

Uma festa que em tempos primórdios, se perpetua até hoje o culto dedicado ao perdão, a reconciliação, um verdadeiro recolhimento familiar. Onde todos os membros de uma família (Ilê) se organizam para celebrarem tal data comemorativa e simbólica (para muitos), mas de grande fundamentação.

Dentro de nossa religiosidade, se reverencia e se respeita muito esta data. As casas reúnem os filhos do Ilê para se comemorar com dedicação esta festa, pois dela se dá andamento a todas as outras posteriores em honra a todos os Orixás.

Assim como nossos irmãos Católicos possuem seus calendários religiosos, onde se encontram suas maiores festividades. Com períodos de oração, penitência, jejuns e outras formas. Nós do Candomblé temos também um Calendário básico que deve ser respeitado. Mas é válido lembrar que cada nação é uma nação. Cada casa é uma casa. Infelizmente, vejo que ainda existem certas discordâncias, mas, atualmente tenho visto certa conciliação de calendários, nas diversas casas aqui em São Paulo.

Desta forma, apresento a vocês a seqüência das Datas Festivas, claro que aqui é só uma explanação básica. O que não ordena que se faça assim ou que esteja certo ou errado, mas sim uma posição básica das festividades tradicionais seja ela no Candomblé ou na Umbanda.

Vejamos a seguir:

JANEIRO

Festa de Oxalá - coincide com a festa do Bonfim, em Salvador, no segundo domingo depois do dia de Reis, 6 de janeiro. Data onde se organizam a festividade das Águas de Oxalá e o Pilão de Oxalá.


QUARESMA

O encerramento do ano litúrgico acontece durante os quarenta dias que antecedem a Páscoa no catolicismo, com o Lorogun, em homenagem a Oxalá.


ABRIL

Feijoada de Ogum
festa de Oxóssi - associado a São Sebastião, em qualquer dia.


JUNHO

Fogueiras de Xangô (associadas a São João e São Pedro), dias 25 e 29.


AGOSTO

Festa de Obaluaiê (associado a São Lázaro e São Roque)
festa de Oxumaré (associado a São Bartolomeu), em qualquer dia.Tida como a festividade do Olubajé.


SETEMBRO

Começa um ciclo de festas chamado: Águas de Oxalá, que pode ir até Dezembro.
Festa de Erê, em homenagem aos espíritos infantis - associados a São Cosme e Damião, que seguem até outubro.
Festa das Yabás - esposas dos orixás
Festa de Xangô - associado a São Jerônimo, em qualquer dia.


DEZEMBRO

Festas da Yabás : Iansã - Santa Bárbara, dia 4
Oxum - associadas a Nossa Senhora da Conceição, dia 8
Iemanjá - também é homenageada na passagem do ano ou no dia 02/02 a ela dedicado.
Período em que muitas casas, sejam do Candomblé e da Umbanda, se dirigem às praias, para ali depositarem suas oferendas como forma de ação de graças por um ano que se passou e ao mesmo tempo já irem fazendo seus pedidos para um novo Ciclo que se inicia. 


*Válido lembrar que algumas casas ainda hoje realizam algumas festas antigas, como as ÁGUAS DE YEMANJÁ E AS ÁGUAS DE NANÃ. Hoje as mesmas inseridas na festividade da FESTA DAS YABÁS. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Gostou desta postagem? Deixe aqui seu comentário, sugestão, critica a fim de melhorar nossos serviços.